Quem sou eu

Minha foto
O grupo Mulheres 4 Estações,nasceu do encontro de ideias de 3 mulheres, ao perceberem em si o quanto é prazeroso e enriquecedor a troca de vivencias, já que tantas vezes nos reconhecemos no pensamento e sentimento alheio. Então veio o desejo de compartilhar essa experiencia com outras mulheres..... e assim como a natureza se reveste das estações para se revelar aos nossos olhos,nós nos revestimos do falar e ouvir, para nos revelar a nós mesmas.........

segunda-feira, 21 de outubro de 2019

O SILÊNCIO DO MEU CORPO

Eu tenho um grito preso na garganta.
Palavras que se amontoam na minha mente, mas que não sou capaz de verbalizar.
Eu tenho um abraço guardado no colo, um abraço cheio de amor, de saudades, carinhos que já não sou capaz de fazer.
Eu tenho uma prece murmurada em pensamento, todos os dias. Na fé que acalento na alma, mas que não chega aos meus lábios.
Eu tenho um "eu te amo", um "muito obrigada", "me perdoa" e tantas outras frases que gostaria de dizer e não posso.
Eu viajo constantemente por lugares que não vou conhecer e outros que conheci e não posso mais visitar.
Eu tenho tantos arrependimentos. O carinho que deixei de fazer porque precisava limpar a casa. Eu e essa mania de limpeza.
O perdão que não pedi e que também não fui capaz de conceder, por puro orgulho.
Ah, como eu queria me ver livre dessa prisão chamada corpo.
Como eu queria rodopiar lá fora e sentir o vento, o sol, a chuva.
Como eu queria poder pegar meu neto no colo.
As lágrimas escorrem, mas não de dor física e sim por tudo que não sou mais capaz de fazer, de falar, por tudo que deixei em segundo plano e que hoje, hoje eu sei, eram as coisas mais importantes.
Um dia, espero voar livre das amarras.
Nesse dia, eu abençoarei com meu amor todos que cuidaram de mim e serei eternamente grata.
Nesse dia, terei rompido definitivamente meu casulo e poderei partir com a leveza de  uma borboleta, não sem antes  sobrevoar em volta de cada um dos meus amores e quem sabe, pousar por alguns instantes, no teu ombro.


"Para uma pessoa muito querida, portadora de ELA (Esclerose Lateral Amiotrófica)"
Sônia A.

                            imagem: Arquivo pessoal


27 comentários:

  1. Texto profundo, lindo emocionante e teu carinho pra amiga, um amor! Palavras que fazem bem! bjs, chica

    ResponderExcluir
  2. Nem todos querem o silêncio de seus corpos e das suas mentes, fogem dele, porque é nele que nos espelhamos estranhos.

    A introspeção é fundamental para nos conhecermos verdadeiramente.

    Um abraço, espero que quando chegar a SER BORBOLETA, poise nos seus amores da forma mais querida.

    mz

    ResponderExcluir
  3. Querida amiga,
    fui as lágrimas lendo seu texto!
    A beleza e a sabedoria se mistura a simplicidade e doçura de suas palavras.
    A grandeza da sua alma se espalhou pelo texto do começo ao fim.
    Parabéns pela sensibilidade.
    Abraços, te admiro dia após dia.

    ResponderExcluir
  4. que texto tocante, emociona a alma. Grande e carinhoso beijo no ♥

    ResponderExcluir
  5. Como Edna e todos que comentaram , seu texto me comoveu a lágrimas não de tristeza , mas de alegria pela oportunidade de expressão e reflexão... Há esperança minha querida, há fé, porque essa "prisão" tem um nome: silêncio! Esse é profundo é maravilhoso e se manifesta na alma que nos parece sofrida no outro, mas que tem sentido que não podemos captar porque é entre o portador da ELA e o seu eu que a cada dia vai migrando para algum lugar além do que imaginamos....como avaliar? Uns vêm ao mundo com essa missão nobre de ser protagonista de situações que levem os espectadores do que se desenvolve diante dos seus olhos físicos e espirituais a compartilhar e deixar brotar essa sua narrativa que é um lindo poema de uma vida real.Obrigada .

    ResponderExcluir
  6. Sem palavras... muito lindo! Parabéns! Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Muito bom. Escrever ajuda demais a se soltar! beijos

    https://ives-minhasideias.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Lindo, lindo, lindo! Nessas horas percebemos o quanto é importante viver o momento, que a vida é hoje.

    ResponderExcluir
  9. Maravilhoso texto. Suas belas e doces palavras me emocionaram muito desde a primeira á ultima frase.
    Beijinhos, continuação de uma excelente semana.

    ResponderExcluir
  10. Uma narrativa plena e encanto ternura e carinho.
    E nunca é tarde para recomeçar.
    Bji

    ResponderExcluir
  11. Que texto maravilhoso, de Uma grande sensibilidade, só podia ter sido escrito por uma Mulher! Acho que todas nós nos revemos em cada frase e fazemos parte do contexto que ele encerra! Gostei muito da vossa visita e de ter tido possibilidade de vos conhecer!Vou voltar. Um abraço.

    ResponderExcluir
  12. Boa noite:- Visitando, amei o seu blogue. Este poema faz-me quase perguntar: Haverá ser humano de coração aberto e franco, que não sinta algo igual?
    .
    …… Ando por aqui …….
    .
    ^^^ Passeando sob o luar ^^^
    ^^^ Pensamentos e Devaneios Poéticos ^^^
    .
    Deixando cumprimentos.

    ResponderExcluir
  13. Que lindo! Belo blog

    Beijinho e um bom fim de semana
    Daniela Silva | danielasilva-oficial.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  14. São este gritos que devemos buscar entender e readaptar todo nosso proceder Sonia. O tempo nem sempre é nosso amigo. É preciso ação em cada suspiro e assim estar próximo da sonhada leveza com delicadeza.
    Belo texto amiga.
    Um bom e feliz domingo.
    Carinhoso abraço.

    ResponderExcluir
  15. A great post! I love your blog. Your content is very interesting < 3
    I am following you and invite you to me
    https://milentry-blog.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Lindo demais!
    Reflexões que nos "sacodem", no bom sentido! Amei!
    Beijo carinhoso!

    ResponderExcluir
  17. Boa noite
    Lindo texto, bastante reflexivo. Bjs

    ResponderExcluir
  18. Um texto maravilhoso, cheio de carinho, amor, amizade...
    Obrigada pela visita
    Beijos e abraços
    Marta

    ResponderExcluir
  19. Boa tarde de paz, querida amiga Sonia!
    Nossos gritos de "eu te amo" sao ditos no silencio do ❤ ou de ❤ a ❤ quando extrapolam em nossa alma enamorada.
    Muito linda sua prosa poetica.
    Tenha dias muito felizes!
    Bjm carinhoso e fraterno de paz e bem
    https://espiritual-marazul.blogspot.com/2019/10/2-anos-do-blog-o-amor-desperta-todos.html

    ResponderExcluir
  20. Um texto poético muito belo que me comoveu e prendeu do principio ao fim com muita emoção.
    Um beijinho para você e sua amiga.
    Ailime

    ResponderExcluir
  21. Um texto muito sentido, expressivo e muito belo.
    Uma mensagem emocionante e edificante.
    Desejo que tudo corra da melhor forma com essa pessoa que lhe é muito querida, a quem envio um beijo.
    Abraços
    ~~~

    ResponderExcluir
  22. Amiga, que texto tocante e profundo. Uma linda homenagem. bjos saudade

    ResponderExcluir
  23. Que texto magnífico, quantas emoções eu li agora! Coisas tão bem ditas, tão tristes, tão verdadeiras! Muita sensibilidade, e assim somos nós, eu, você, elas/eles...faz parte da nossa natureza, e passam os anos, passa a vida e passou todos os momentos!
    Aplausos com emoção para esse texto! E para sua autora, naturalmente.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  24. Boa noite amiga... Muito obrigada pela visita só meu Blog... Parabéns, o seu Blog é sempre encantador! A sua poesia é magnífica...parabéns!

    ResponderExcluir
  25. Olá! Conhecendo agora o teu espaço e já curti muito!

    Que belíssimo texto você nos traz! Uma reflexão linda sobre a vida! Dá vontade de ler e reler! Adorei!


    Voltarei em breve!

    Pensamentos Valem Ouro

    ResponderExcluir
  26. Olá, querida Sónia!

    Um texto profundo e extremamente comovente, mas só pessoas de enorme sensibilidade e coração conseguem fazer uma retrospetiva de vida, como tu fizeste e escrever, desse jeito.

    No dia em que fores "borboleta" passa por Portugal, Lisboa mais propriamente, para eu te afagar, sutilmente e me acariciares, tb.

    Para essa pessoa mto querida k sofre de ELA, o meu enorme abraço solidário e rosas brancas para enfeitarem seus dias.

    Beijos e boa semana.

    ResponderExcluir
  27. Sónia, esperei por sua visita...
    Percebo que os seus tempos sejam diferentes...
    Vou levar o seu 'link', terei muito gosto em fazer-lhe companhia.
    Publiquei um soneto em estilo clássico.
    O meu terno abraço.
    ~~~

    ResponderExcluir