Quem sou eu

Minha foto
O grupo Mulheres 4 Estações,nasceu do encontro de ideias de 3 mulheres, ao perceberem em si o quanto é prazeroso e enriquecedor a troca de vivencias, já que tantas vezes nos reconhecemos no pensamento e sentimento alheio. Então veio o desejo de compartilhar essa experiencia com outras mulheres..... e assim como a natureza se reveste das estações para se revelar aos nossos olhos,nós nos revestimos do falar e ouvir, para nos revelar a nós mesmas.........

segunda-feira, 27 de abril de 2015

"Pare"

"A vida necessita de pausas."
(Carlos Drummond de Andrade)
É imperioso tirar pequenas pausas na agitação constante em que vivemos. 
Pausas que venham acrescentar leveza ao nosso mundo íntimo e nos permita alimentar a alma de doçuras,que nos livra da insensatez e desequilíbrio,do olhar indiferente as dores alheia.
Pausas que tragam percepção e sensibilidade, para não ver apenas o mal escancarado,como a violência,mas principalmente,o mal tênue e sutil que aprisiona nossa alma e escraviza nosso corpo.
Pequenas pausas diárias para nos reabastecer de:
Ternura,compaixão,simplicidade,afetos,fé,sorrisos...Vida.
(Por Alex e Sônia- mulheres 4 estações) 

Imagem Google

9 comentários:

  1. Lindo e temos mesmo que respeitar quando o corpo e nossa vida pede pausa! bjs, chica

    ResponderExcluir
  2. Como concordo totalmente! Cada vez mais acho que temos que abrandar e perceber afinal o que é realmente importante na vida.
    beijinhos

    ResponderExcluir
  3. Como são importantes estas pausas e tantas vezes esqueço delas! amei chegar aqui! bjs

    ResponderExcluir
  4. E como são importantes , curtir o silencio e por os pensamentos em ordem.
    beijinhos


    http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. ...e como necessita! Quant paz por aqui...adoro isso!!! abraço, ania..

    ResponderExcluir
  6. Concordo plenamente, como são importantes essas pausas!
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Me lembro que quando criança deitávamos no chão e ficávamos horas observando as nuvens, os formatos de ovelhas, de pássaros e tantos outros que só uma ente infantil consegue descobrir. Eram momentos de encantamento. Outras vezes íamos pescar e lá se iam horas sentados na beira dos tanques da olaria de meu avô, conversa vai, conversa vem, um lambarizinho, uma brincadeira e as tardes eram encantadoras. De repente a gente cresce e não acha mais tempo para nada. Saudades de olhar para o céu e ver as nuvens, saudades de molhar os pés na água dos tanques e das enxurradas!!!
    Perdemos o elo com a magia e com os sonhos. Que pena !

    ResponderExcluir
  8. Que lindo! E que lindo e agradável seu blog! Simplesmente amei!!!

    Beijos e beijos

    http://simplesmentelilly.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir